ALGUNS MITOS E VERDADES SOBRE AMAMENTAÇÃO - Lidia Brandão - Fonoaudióloga

Alguns Mitos e Verdades sobre Amamentação 

 

Porque é tão importante Amamentar?

Na amamentação, o bebê recebe todos os anticorpos da mãe para a proteção contra diversas doenças tais como diarreia e infecções, estando as respiratórias entre as principais. O risco de asma, diabetes e obesidade é menor em crianças amamentadas, mesmo depois que elas param de mamar. A amamentação é um excelente exercício para o desenvolvimento da face da criança, importante para que ela tenha dentes fortes e bonitos, desenvolva a fala e tenha uma boa respiração.

 

Não existe leite Fraco

Pelo contrário. Ele é considerado um alimento “vivo”, pois sua composição se modifica a cada mamada para atender às necessidades do bebê. Além dos nutrientes, possui anticorpos que fortalecem a imunidade da criança.

 

Você está produzindo o suficiente para seu bebê

Como o leite vai direto para a boca do bebê, não há como medir a quantidade que ele consome. Isso pode deixar algumas mães inseguras. Alguns sinais de que está tudo bem: cocô e xixi normais(mais de 6 fraldas ao dia), curva de crescimento em dia, bebê feliz! Fique sabendo, ainda, que a produção está diretamente relacionada à sucção (que estimula as glândulas mamárias). Ou seja, quanto mais o bebê mama, mais leite a mãe produz. Mas ainda assim, caso sinta que a sua produção está diminuindo, observe se você está tomando água (cerca de dois a três litros diários) e descansando o bastante. E atenção às crendices populares: cerveja preta não ajuda a produzir mais leite!

 

Você pode comer tudo que está habituada

A princípio, não há restrições.  Vale o bom senso. Uma alimentação equilibrada que prioriza comidas naturais. Ao suspeitar que algo provocou algum desconforto no bebê, suspenda o alimento por alguns dias e reintroduza-o mais adiante, para ter certeza. Estimulantes em excesso, como café, chocolate e chá-verde, podem deixar o bebê mais agitado.

 

Telefone: (21) 987725070

Instagram: @lidiafono