HIGIENIZAÇÃO DO SEU HORTIFRUTI – POR QUE, COMO E QUANDO FAZER? - Deborah Cotrofe-Segurança Alimentar

Mais de 250 doenças podem ser veiculadas através da água e dos alimentos contaminados, e é por isso que precisamos ficar atentos aos microrganismos existentes, pois não conseguimos enxergá-los, mas eles existem e prevenções podem ser realizadas. Esses alimentos são provenientes do meio ambiente, e lavá-los apenas em água corrente só irá reduzir a carga de poeira e insetos mortos, mas para a eliminação de microrganismos, é preciso a ação de um desinfetante.Vamos começar com uma pergunta simples: Você faz a higienização dos seus produtos hortifrutícolas (frutas, legumes e verduras)? Se a sua resposta foi não, vou te ensinar um passo a passo importante!

Primeiramente você deve selecionar os alimentos que vão ser higienizados, e retirar as folhas, partes, ou unidades deterioradas. Em seguida, lave os selecionados em água corrente unidade por unidade, e no caso dos folhosos (alface, rúcula, agrião..), a lavagem deve ser folha a folha. Para preparar a solução clorada você pode utilizar a água sanitária, ou adquirir produtos com essa finalidade vendidos em supermercados. O uso da água sanitária é um método caseiro permitido e descrito por lei, inclusive presente em cartilhas da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). No entanto, não é qualquer marca de água sanitária que pode ser utilizada, o produto deve conter no seu rótulo a seguinte descrição “RECOMENDAÇÃO PARA DESINFECÇÃO DE FRUTAS E VERDURAS”, verifique essa orientação antes da compra.

Em um recipiente coloque UMA colher de sopa da água sanitária, para UM litro de água (se forem DOIS litros de água, use DUAS colheres, e assim por diante). Deixe os alimentos completamente submersos na solução (utilize um peso – prato, recipiente, grade de inox), pelo tempo indicado no rótulo do produto. Esse tempo de ação vai depender da recomendação do fabricante do desinfetante, podendo variar de 2 a 20 minutos, então SEMPRE LEIA O RÓTULO! Após a higienização, enxágue os produtos novamente em água corrente, seque-os (pode utilizar uma secadora de folhas, ou toalha de papel), e monte a sua refeição. Não vai consumir imediatamente? Armazene os produtos sob refrigeração.

Quando higienizar? Sanitize todos os alimentos que vão ser consumidos com casca e de forma crua, por exemplo, maçã, morango, tomate, alface, uva. Se for descascar o alimento para ingerir somente a sua polpa, não precisa higienizá-lo, por exemplo, banana, abacaxi, kiwi, cenoura, tomate sem pele, e se você for cozinhar, assar, ou fritar o alimento e ele estiver com casca, também não precisa higienizar, pois a elevada temperatura já irá eliminar os microrganismos existentes, por exemplo,  cozimento do tomate com pele para preparo de um molho, ou legumes assados no forno.

Lembre-se, saúde e higiene andam juntos. Se alimente de forma segura!

OBS: O uso da água sanitária é um método caseiro descrito no Art. 39 da Portaria CVS nº5 e na cartilha sobre Boas Práticas para Serviços de Alimentação da ANVISA!