INPI - Registro de Marcas

"TUDO SOBRE O REGISTRO DE MARCAS E PATENTES"

INPI - Registro de MarcasFreepik

O registro de marcas é o processo de proteção legal de uma marca

Uma marca é um nome, termo, design, símbolo ou outra característica que distingue uma organização ou produto de seus rivais aos olhos do cliente. As marcas são usadas em negócios, marketing e publicidade.

Uma patente é um direito exclusivo concedido a uma invenção, que é um produto ou processo que proporciona uma nova maneira de fazer algo ou oferece uma nova solução técnica para um problema. O registro de patente é o processo de proteção legal de uma invenção.

Há muitos benefícios em fazer o registro de marcas ou patente. O registro confere ao titular o direito exclusivo de uso da marca ou patente, que pode ser executada judicialmente. O registro também serve como um impedimento para outros que desejam usar a mesma marca ou patente similar.

1. O que é uma marca.

O que pode ser registrado.

Uma marca é um tipo de propriedade intelectual e pode incluir coisas como logotipos e nomes. Para ser registrada, uma marca deve ser distintiva e capaz de distinguir os produtos ou serviços de uma empresa dos de outra. Uma marca também pode ser registrada para evitar que outros a utilizem de uma forma que possa confundir os consumidores.

 1.2 Como uma marca é obtida.

Uma marca é obtida através do registro de marcas no INPI – Instituto Nacional da Propriedade Industrial.

O processo de registro de marcas pode ser complexo e requer a apresentação de um pedido detalhado. Uma vez que o pedido é apresentado, ele passará por um processo de análise durante o qual o INPI determinará se a marca atende a todos os requisitos legais para registro. Se a marca atender a esses requisitos, ela será registrada e publicada na revista do INPI.

1.3 Quais são os benefícios do registro de marcas.

Há muitos benefícios no registro de marcas, incluindo:

-A capacidade de impedir que outras pessoas usem sua marca sem permissão;

-A capacidade de processar por danos se alguém usar suas marcas registradas sem permissão;

-A possibilidade de usar o símbolo ® ao lado de suas marcas, o que indica que elas são legalmente protegidas; e

-A capacidade de licenciar suas marcas registradas para outras pessoas para uso em seus produtos ou serviços.

 

2. O que é uma patente.

2.1 O que pode ser patenteado.

As patentes são concedidas para invenções novas, úteis e não óbvias. Para ser patenteável, uma invenção deve atender a todos esses três critérios. Uma invenção é considerada nova se não tiver sido previamente divulgada ao público de qualquer forma.

Uma invenção é considerada útil se desempenha uma função ou fornece algum benefício tangível. Uma invenção é considerada não óbvia se não for algo que seria óbvio para um especialista na área relevante da técnica.

Existem três tipos de patentes que podem ser obtidas: patentes de utilidade, patentes de design e patentes de plantas. As patentes de utilidade são o tipo mais comum de patente e são concedidas para invenções que desempenham uma função ou fornecem algum benefício tangível.

As patentes de design são concedidas para designs exclusivos de produtos, enquanto as patentes de plantas são concedidas para novas variedades de plantas.

2.2 Como uma patente é obtida.

Para obter uma patente, um inventor deve registrar um pedido de patente no INPI – Instituto Nacional da Propriedade Industrial.

O INPI revisará o pedido para determinar se a invenção atende aos critérios de patenteabilidade. Se o INPI determinar que a invenção é elegível para uma patente, ele emitirá uma concessão de patente. A duração de uma patente de utilidade é de 20 anos a partir da data em que o pedido foi depositado.

2.3 Quais são os benefícios do registro de patente?

Existem vários benefícios que vêm com a obtenção de uma patente. Primeiro, dá ao inventor direitos exclusivos para comercializar sua invenção durante a vigência da patente. Isso significa que outras pessoas não podem fazer, usar ou vender sua invenção sem sua permissão durante esse período.

Em segundo lugar, a obtenção de uma patente pode lhe dar alavancagem nas negociações com potenciais licenciados ou investidores interessados em sua invenção, pois pode servir como prova de seus direitos de propriedade sobre a tecnologia.

Por fim, ter uma patente concedida também pode ajudá-lo a se defender contra reivindicações de violação de outras pessoas que possam tentar copiar sua invenção sem sua permissão.

    Conclusão

Uma marca é um nome, termo, design, símbolo ou outra característica que distingue uma organização ou produto de seus rivais aos olhos do cliente. A patente é um direito exclusivo concedido a uma invenção, que é um produto ou processo que fornece, em geral, uma nova maneira de fazer algo, ou oferece uma nova solução técnica para um problema.

Para obter uma marca, deve-se fazer o registro de marcas no INPI.

Os benefícios de ter uma marca registrada incluem o seguinte: ela informa o público sobre a reivindicação de propriedade da marca pelo registrante; serve como prova prima facie de propriedade e direitos exclusivos de uso da marca em todo o país ou em conexão com os bens e/ou serviços listados no registro; e permite que o proprietário ajuize ação contra outra parte que use sua marca registrada sem permissão.

Para obter uma patente, deve-se solicitar o registro de patente no INPI. Os benefícios de ter uma patente registrada incluem notificar o público de suas reivindicações; impedir que outros façam, usem, coloquem à venda, vendam ou importem sua invenção sem sua permissão; e potencialmente gerando receita de royalties se você licenciar outros para fazer e vender sua invenção.

Desejando ter mais informações e valores

Clique aqui e fale conosco

Compartilhar

  • Ainda não há comentários.
  • Adicione um comentário