"COMO ECONOMIZAR COM AS DEMANDAS INFANTIS"

Matriz Colunistas 2022 03 23T094437.261 1024x1024 1

As crianças não pediram para nascer. Da mesma forma, não esperam por autorização para crescer. Essa é a lei natural das coisas!

O crescimento pode ser intangível quanto ao amadurecimento ( as descobertas, as experiências, os acertos e os erros). Mas, fica bem visível quando você finalmente resolve usar aquele sapato caro que estava economizando e simplesmente não cabe mais na criança !

Como diminuir esse custo do crescer de nossos filhos ?

Sou mãe de dois. Antes mesmo de engravidar pela segunda vez, deixei todo o enxoval da minha primogênita em um brecho. Com o crédito gerado pela venda, pude comprar a enxoval para o caçula.

Hoje, vim te contar 4 truques de economia que uso sendo mãe e consultora de estilo consciente trabalhando na Charlotte brechó. Quem sabe sobre um pouco para você investir mais na sua imagem e no seu negocio?

1) Montar um guarda-roupa que combine entre si :
Essa é uma dificuldade maior para as meninas. Embora seja geral quando as peças são na maioria com desenhos e ou estampas. As peças lisas são essenciais da mesma maneira que difíceis de encontrar.

Sugiro eleger uma ou duas cores principais . Eu escolhi junto com a Leticia de 6 anos o vermelho e o azul. Assim, fica mais fácil de combinar inclusive os acessórios.

2) Escolha peças com durabilidade : engana-se quem acha que deve apenas comprar peças simples e baratinhas. Elas “acabam” mais rápido e impossibilitam a revenda. Por isso, é bom separar as roupas mais simples para brincar e as mais caras para sair. As peças com maior durabilidade estarão com melhor estado de conservação e serão mais valorizadas no momento que for desapegar.

3) Pensar no valor de revenda na hora da compra : se você ja conhece as marcas que as mães procuram , sabe que são elas as que te darão maior retorno. É a mesma lógica de quando compramos um carro. Um exemplo disso são as Melissas. Mesmo comprando em brechó, é possivel usar e revender um tempo depois com excelente retorno financeiro.

4) Desapegar nos brechós : leve os itens para um brechó de confiança, assim será gerado um valor após a venda e você pode comprar o que estiver precisando.
Eu faço isso na Charlotte brecho. Um brechó com cinco anos , possui contrato e controle através de sistema . Gero o credito que uso como se fosse um cofrinho. Quando surge uma emergência , recorro ao meu Credipink . Já aconteceu do Vicente de 3 anos não ter uma roupinha mais fechada para uma festa em um dia chuvoso. Garimpei uma camisa da Cartes e uma calça jeans sem mexer no meu bolso.

Está esperando o quê ? Comece a comprar e desapegar na Charlotte brechó você também !

 

Julia Turl Valim – Consultora de imagem e estilo consciente

@estilojuliaturl

(21) 99205-9105

Compartilhar

WhatsApp
Facebook
  • Ainda não há comentários.
  • Adicione um comentário